Ameaça às famílias na Venezuela

*Edgar Wieczorek

A rede comunista que está estendida sobre a América Latina e que nos sufoca, a cada dia mais, está de tal modo adornando-se do poder, que já não há mais limites que impeçam seus dirigentes de cometer toda espécie de crimes contra os povos latino-americanos.

Em uma gravação feita por um jornalista venezuelano, dá-se conta de que o “comandante” Hugo Chávez acaba de enviar ao congresso nacional uma lei que retira o Pátrio Poder (Patria Potestad) dos pais sobre seus filhos desde os 3 até os 20 anos. Não satisfeito com essa aberração jurídica esse energúmeno inclui, na mesma lei, dispositivo que obriga os pais a entregarem esses jovens aos cuidados da OCI-Organización de Círculos Infantiles, órgão da máquina comunista que governa a Venezuela, para que sob a tutela dessa organização terrorista(ou alguém duvida que esses pais ficarão aterrorizados com isso?) eles sejam preparados física e mentalmente, além de receberem educação cívica  "em benefício dos mais altos interesses da nação venezuelana". O requinte de terror é tão diabólico que está na letra dessa mesma lei, que esses jovens “deverão manter 2 (dois) contatos mensais com seus pais, a fim de preservar os laços familiares”.

Divulguem, por favor. Nós brasileiros, assim como todos os povos latino-americanos, devemos preocupar-nos com essa terrível ameaça que se abate sobre os pais e as crianças da Venezuela, ou, corremos o risco de que não haja ninguém disposto a apoiar-nos quando, futuramente, chegar a nossa vez de lutar contra o mesmo tipo de arbitrariedade por parte de nosso governo. Ou alguém ainda duvida que somos governados por uma organização comunista, nos mesmos moldes venezuelanos, da qual o Sr. Lula da Silva é apenas uma das engrenagens???

*Economista

Mais por este Autor:
Artigos Relacionados: